Ranitidina (Zantac) para cães: usos, dosagem e efeitos colaterais

Mulher com cachorro fazendo check-in na recepção da clínica veterinária

ATENÇÃO! O FDA temlembrou todos os produtos de ranitidina em abril de 2020devido a um contaminante denominado N-Nitrosodimetilamina (NDMA). Esta substância é conhecida por causar câncer em humanos. Você pode ler o comunicado de imprensa do FDA aqui. No momento, DogTime recomenda que você NÃO use este produto em cães até que o medicamento seja reformulado para segurança ou o FDA apresente mais informações.

Este artigo serve apenas como um recurso de arquivoe não deve ser tomado como conselho médico atual.

A ranitidina, também conhecida pela marca Zantac, é um medicamento que pode ser usado para reduzir a acidez do estômago de cães. Isso é útil no tratamento ou prevenção de doenças como úlceras e refluxo ácido.



Ele age bloqueando as histaminas no estômago que causam a produção de ácido. Zantac é a forma humana da droga e não existe uma marca específica para uso veterinário. Embora o FDA não tenha aprovado a ranitidina para uso veterinário, os cães podem tomá-la para tratamento com supervisão veterinária.

Embora esteja disponível sem receita, este medicamentonão deve ser administrado a cães sem supervisão veterinária, e você deve seguir as instruções do seu veterinário de perto ao dar qualquer medicamento ao seu cão.

Aqui está o que você deve saber sobre os usos, dosagem e efeitos colaterais da ranitidina em cães.

Usos de ranitidina para cães

Cachorro da Pomerânia fofo dormindo no travesseiro na cama, com espaço de cópia

ATENÇÃO! O FDA temlembrou todos os produtos de ranitidina em abril de 2020devido a um contaminante denominado N-Nitrosodimetilamina (NDMA). Esta substância é conhecida por causar câncer em humanos. Você pode ler o comunicado de imprensa do FDA aqui. No momento, DogTime recomenda que você NÃO use este produto em cães até que o medicamento seja reformulado para segurança ou o FDA apresente mais informações.

Este artigo serve apenas como um recurso de arquivo e não deve ser considerado como um conselho médico atual.

Os veterinários usam principalmente a ranitidina para tratar e prevenir úlceras em cães, embora sua capacidade de reduzir o ácido estomacal também ajude no tratamento de outras doenças gastrointestinais. A redução do ácido estomacal ajuda ainda mais a aliviar a inflamação, promover a cura e mover os alimentos pelo trato digestivo.

Aqui estão algumas doenças que a ranitidina pode tratar:

  • Úlceras estomacais ou intestinais
  • Doença de refluxo ácido
  • Gastrite
  • Inflamação do estômago
  • Tumores de mastócitos

Dosagem de ranitidina para cães

Veterinária fazendo anotações do exame na área de transferência

ATENÇÃO! O FDA temlembrou todos os produtos de ranitidina em abril de 2020devido a um contaminante denominado N-Nitrosodimetilamina (NDMA). Esta substância é conhecida por causar câncer em humanos. Você pode ler o comunicado de imprensa do FDA aqui. No momento, DogTime recomenda que você NÃO use este produto em cães até que o medicamento seja reformulado para segurança ou o FDA apresente mais informações.

Este artigo serve apenas como um recurso de arquivo e não deve ser considerado como um conselho médico atual.

A dosagem usual de ranitidina para cães é de 0,25 a 1 mg por libra a cada 8 a 12 horas. Pode ser administrado por via oral ou na forma de injeção.

Está disponível em comprimidos regulares ou comprimidos solúveis que geralmente vêm em dosagens de 75 mg, 150 mg ou 300 mg. Seu veterinário pode instruí-lo sobre como medir corretamente a dosagem para seu cão.

Seu cão deve tomar o medicamento sem comida porque a comida o torna menos eficaz. Você deve continuar o regime de medicação que seu veterinário prescreve, mesmo se os sintomas melhorarem, até que seu veterinário diga para você parar.

Seu veterinário pode ajustar a dosagem dependendo da resposta do seu cão ao medicamento ou da condição específica que ele está tratando.

Efeitos colaterais da ranitidina em cães

Close de um labrador esfregando a barriga

ATENÇÃO! O FDA temlembrou todos os produtos de ranitidina em abril de 2020devido a um contaminante denominado N-Nitrosodimetilamina (NDMA). Esta substância é conhecida por causar câncer em humanos. Você pode ler o comunicado de imprensa do FDA aqui. No momento, DogTime recomenda que você NÃO use este produto em cães até que o medicamento seja reformulado para segurança ou o FDA apresente mais informações.

Este artigo serve apenas como um recurso de arquivo e não deve ser considerado como um conselho médico atual.

Os efeitos colaterais da ranitidina em cães são geralmente leves. Se você observar efeitos colaterais extremos ou preocupantes, entre em contato com seu veterinário para que ele possa ajustar a dosagem ou alterar a forma de tratamento.

Aqui estão alguns efeitos colaterais que você pode observar em cães que tomam ranitidina:

  • Vômito
  • Diarréia
  • Letargia ou fraqueza
  • Arritmia cardíaca
  • Respiração rápida
  • Tremores musculares

Seu veterinário deve estar ciente de quaisquer outras condições médicas que seu cão tenha antes de prescrever este medicamento. Cães com doença hepática ou renal podem estar em maior risco de complicações graves e não devem tomar o medicamento.

Você também deve informar seu veterinário sobre quaisquer outros medicamentos que seu cão esteja tomando, incluindo medicamentos sem receita, pois eles podem reagir mal com a ranitidina, especialmente antiácidos.

Tal como acontece com todos os medicamentos, existe o risco de reação alérgica a este medicamento em cães que pode levar a anafilaxia . Se você observar os sinais de uma reação alérgica, entre em contato com o seu veterinário imediatamente.

Você já tratou a doença do seu cão com ranitidina? Foi eficaz? Deixe-nos saber nos comentários abaixo!